Notícias

VEREADOR CABO VALÉRIO BUSCA ALTERNATIVAS PARA CUSTEAMENTO DO TRANSPORTE ESCOLAR

Preocupado em manter o direito ao transporte escolar gratuito dos alunos das escolas públicas do Município, o vereador Cabo Valério tenta buscar soluções para o conflito de interesse existente entre empresa privada e poder público. Em requerimento apresentado na Câmara de Varginha, o vereador realizou alguns questionamentos sobre os custos do transporte escolar. De acordo com Cabo Valério, é possível encontrar alternativas. “Podemos, ao invés de utilizar o dinheiro da população para pagar as passagens dos estudantes, utilizar o subsídio do Fundeb (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação) para custear parte do transporte escolar, senão ele todo, uma vez que a verba destinada é para esse fim. Dessa forma, a empresa atuante não se prejudica, nem os estudantes ou os cofres públicos”, aponta o vereador.
 
Os recursos oriundos do Fundeb são destinados/distribuídos aos Estados, Distrito Federal e Municípios, para o financiamento de ações de manutenção e desenvolvimento da educação básica pública. “Então, para atender melhor a todos os lados, acredito que uma das saídas seja fazer o remanejamento parcial do subsídio fornecido pelo Fundo Nacional, para disponibilizar o transporte gratuito e de qualidade aos alunos da rede pública”, pontua o vereador. No requerimento entregue ao Poder Executivo, o vereador questiona a quantidade de alunos que estão cadastrados para receber o cartão escolar gratuito, bem como o custo do transporte por aluno.

CÂMARA SÊNIOR FALA DOS DESAFIOS DO ENVELHECIMENTO

               

 

Nesta quarta-feira (15), o segundo encontro do Câmara Sênior tratou de um tema pouco abordado na sociedade, mas que todos enfrentarão algum dia – se já não estão enfrentando, “O Envelhecimento e as Dificuldades Atreladas a essa Condição”. A oficina dessa semana foi conduzida pela farmacêutica e responsável pelo Serviço de Referência à Saúde da Pessoa Idosa de Varginha, Karen Evelyn Alves Rabello que orientou e sensibilizou as participantes sobre a etapa da vida em que se encontram. “O período é marcado por várias alterações, igual a qualquer salto anterior – criança adolescência, fase adulta. O que muitos não entendem é que esse não é o fim, mas o recomeço. As mudanças não devem ser vistas como obstáculos, mas como motivação,” destacou Karen. 

Entre os assuntos trabalhados estavam, a aceitação, aumento da individualidade, o recomeço, comportamento sexual, o fim da vida e a viuvez. De acordo com a profissional, a maior dificuldade apresentada é a perda do(a) companheiro(a) de vida. “Nessa fase todo apoio é bem vindo. Perder a pessoa, que esteve ao seu lado grande parte da vida, traz a sensação de solidão, por isso é importante se agarrar ainda mais no recomeço, a inserção de novos hábitos e rotinas auxiliam no processo”, finaliza a farmacêutica.

Os encontros da Câmara Sênior ocorrem todas as quartas-feiras, sempre trabalhando um tema diferente e de impacto na vida dessa parcela da população, a fim de levar conhecimento e auxílio aos participantes. A iniciativa do projeto é da Escola do Legislativo da Câmara Municipal de Varginha.

VEREADORA ZILDA SILVA COBRA RETOMADA DAS LINHAS DE ÔNIBUS RURAIS

Há um ano a presidente da Câmara Municipal de Varginha, vereadora Zilda Silva, apresentou uma indicação solicitando o retorno dos ônibus que transportavam, pelo menos duas vezes por semana, os moradores das regiões rurais para o centro urbano. De acordo com a propositora, sem o transporte público as comunidades dos bairros Posses, Martins, Ribeirão da Cava, Fazenda Santa Cruz, Fazenda Bom Jardim e Fazenda Remanso e a Fazenda dos Mascatinhos ficam desamparadas. “Para a grande maioria dos residentes dessas localidades, esse era o único meio de transporte para a área urbana, seja para buscar atendimento médico, seja para fazer compras, entre outras necessidades particulares”, afirmou Zilda.

Para atender às referidas regiões, são necessárias, pelo menos, duas linhas do transporte coletivo. Uma para atender a região da Fazenda dos Mascatinhos e outra para as demais localidades. “Diante dos transtornos enfrentados pelos munícipes, com a interrupção do referido transporte, venho, através da presente indicação, solicitar informações sobre a retomada das linhas de ônibus que passam nesses locais, a fim de garantir o direito dos munícipes.”, finaliza a vereadora.

VEREADOR PROFESSOR RODRIGO NAVES COBRA INFORMAÇÕES SOBRE RECURSOS FINANCEIROS DO PROGRAMA ESTADUAL DE CONSERVAÇÃO DA ÁGUA

Preocupado com a preservação e conservação das águas do Rio Verde, cujo trecho percorre o município de Varginha e com a manutenção do habitat que o circunda, o vereador Professor Rodrigo Naves foi atrás de informações a respeito do recebimento dos recursos financeiros, garantido através da Lei Estadual n.° 12.503/1997, que tem origem através do Programa Estadual de Conservação da Água, de Minas Gerais.

O Programa Estadual tem a finalidade de proteger e preservar os recursos naturais das bacias hidrográficas sujeitas à exploração para o abastecimento público ou para geração de energia elétrica. A lei prevê o investimento mínimo, por parte das empresas concessionárias de serviços de abastecimento de água e de geração de energia elétrica, públicas e privadas, de meio por cento do valor total da receita operacional, destinado à proteção e preservação ambiental do em torno da bacia hidrográfica utilizada. “Preservar o meio ambiente é fundamental, afinal, é nele onde estão os recursos naturais necessários para a nossa sobrevivência, como água, alimentos e matérias-primas. Sem esses recursos, todas as formas de vida do planeta poderão acabar.”, pontua Professor Rodrigo.

 Diante do exposto, o vereador propositor, através do requerimento entregue à prefeitura e à Copasa, busca verificar a aplicabilidade da referida lei em nosso Município, bem como dar um respaldo à população interessada. 

VEREADOR DUDU OTTONI PEDE A CONSTRUÇÃO DE ESPAÇO RECREATIVO NO BAIRRO CARVALHOS

Atendendo aos pedidos dos moradores, o vereador Dudu Ottoni encaminhou à Prefeitura uma indicação solicitando a construção de uma praça pública, com playground infantil e academia de rua, em uma área institucional, no bairro Carvalhos. “Muitos moradores do bairro sentem-se excluídos, abandonados pelo poder municipal, pois a região precisa de algumas utilidades públicas, como é o caso de uma área de lazer e saúde para a população poder desfrutar. Diante disso, fui procurado por diversos moradores que reivindicam melhorias. De acordo com relatos da comunidade, o bairro é bastante discriminado e afastado, o que colabora com o sentimento de desamparo, pois muitos não possuem meios, nem condições, de se deslocar para praticar uma atividade física ou levar os filhos para brincar,” destaca Dudu Ottoni.

O local sugerido para a implantação fica na Rua Geraldo Bráz, próximo ao número 155, é de fácil acesso e atenderia a todos. Esse espaço servirá a toda a comunidade, proporcionando melhoria na qualidade de vida, diversão e entretenimento aos seus frequentadores. “Assim, pensando na manutenção da qualidade de vida e bem estar dos munícipes, especialmente dos moradores da localidade, apresento solicito estudo de caso para implantação do projeto descrito.”, finaliza o vereador.

PROFESSOR LOURENÇO RECEBE O TÍTULO DE CIDADANIA HONORÁRIA VARGINHENSE

               

 

Ontem (13) foi dia de emoção para os amigos, familiares e, claro, para o homenageado da noite, na Câmara Municipal de Varginha. Atendendo a uma proposta do vereador Dandan, foi entregue o Título de Cidadania Honorária Varginhense ao professor José Lourenço Matias. Lourenço, como é conhecido, é natural de São Lourenço e filho de Sebastião Matias e Nadir Eva Matias, ambos falecidos.

Também é irmão de Silvana, Simone e Jaques e casado com Adriana de Fátima Tana Matias há 25 anos e pai de Pedro Henrique de Oliveira Tana. “Hoje pra mim, é um dia especial. Lourenço foi meu professor de Educação Física na escola, então tenho uma responsabilidade enorme por falar em nome de todos os seus alunos e ex-alunos. E começo agradecendo por tudo que fez e faz por nossa cidade”, disse o vereador Dandan, autor da homenagem.

A história de superação de Lourenço começou ainda cedo. Aos 11 anos de idade já ajudava a família vendendo picolé e engraxando sapato. Em Varginha, estudou na Escola Brasil, no Polivalente e no Camilo Tavares e sua ligação com o esporte, especialmente com o futebol, sempre foi muito próxima. Quando chegou em Varginha treinou no Santos, do treinador Zequinha. Depois jogou no Nacional da Vila Ypiranga. Na sequência foi para o Curitiba, dirigido pelos populares Dendeia e Sr. Gabriel e finalizou jogando no Barcelona, sendo campeão da cidade como jogador.

Na vida profissional, trabalhou na oficina de refrigeração e manutenção elétrica que seu pai tinha e, também, trabalhou na fazenda do avô materno. Foi frentista e porteiro do Pronto Socorro, época em que graduou-se em Educação Física. José Lourenço atuou como recreador e árbitro de futebol/ futsal durante muitos anos. Começou como estagiário no SESI e passou a funcionário. Por lá trabalhou com ginástica laboral, professor de natação e futsal. Foram aproximadamente 21 anos trabalhando no SESI. Em escolas trabalhou na Escola Estadual Afonso Pena, E.E Professor Antônio Domingues Chaves, E.M Professora Maria Aparecida Abreu e na E.M Professora Helena Reis - Caic II.

Assumiu o cargo efetivo na Semel como técnico desportivo em 2011. A partir de então atuou como técnico de futsal, natação, hidroginástica, ginástica para terceira idade e técnico de futebol. Como professor conquistou vários títulos do Jogos Escolares de Minas Gerais – Jemg -  em diversas modalidades, principalmente na modalidade de futsal masculino.

Na Semel foram várias conquistas representando Varginha no futebol, em torneios regionais e agora atua na parceria da Semel com o Varginha Esporte Clube – VEC - na disputa do Campeonato Mineiro de Futebol Sub15 e Sub17.

“Só tenho gratidão pela cidade de Varginha. Meu muito obrigado a todos que nos acolheram. Receber esse título é uma honra enorme e me faz ainda mais responsável por tudo que ainda tenho que fazer. Obrigado”! concluiu o homenageado.

 

VEREADOR BEBETO DO POSTO PEDE A ANTECIPAÇÃO DA PRIMEIRA PARCELA DO DÉCIMO TERCEIRO PARA SERVIDORES DA PREFEITURA

Com objetivo de aquecer a economia do município e ajudar a muitos servidores que têm o procurado, o vereador Bebeto do Posto solicitou à Prefeitura de Varginha que realize o adiantamento da primeira parcela do décimo terceiro para os servidores municipais. De acordo com o vereador, o valor ajudará muitos colaboradores. “Ainda estamos vivenciando os reflexos da pandemia em seu período mais crítico, onde os gastos, principalmente com a saúde, aumentaram, além do aumento no preço dos produtos de consumo. A antecipação da primeira parcela vai ajudar, principalmente, aqueles que ainda carregam as dívidas daquele período,” destaca Bebeto.

A data da antecipação fica a critério da viabilidade de receita, o que, segundo o vereador, não seria um impedimento tendo em vista que o município iniciou o ano de 2022 com superavit financeiro e também que os cofres públicos terão o incremento da arrecadação do IPTU que inicia neste mês de junho.

Subcategorias

Subcategorias

 

Sessões Plenárias

Veja antecipadamente os assuntos abordados:

Pauta das Sessões
 

Assista também através de nossos canais:

Transmissão das Sessões

Expediente

Nossa equipe está disponível de segunda à sexta,
das 8h às 18h para auxiliá-lo(a).

- Pça. Governador Benedito Valadares, n°11, Centro
  37002-020, Varginha - MG

- 35 3219 4757

 

Perguntas Frequentes

JoomShaper